22 junho 2018 • Instituto Aurora

Persépolis

#AuroraSugere

A diretora-executiva do Instituto Aurora, Michele Bravos, aproveitou o Dia Do Refugiado, lembrado em 20 De Junho, para escrever sobre uma sugestão relacionada ao assunto que a marcou. Veja só o que ela disse:

 

“Persépolis”, uma animação francesa baseada na obra homônima, trata da migração e da figura da mulher no mundo islâmico. Olha só o que ela diz! “Persépolis conta a história de uma menina que viveu no Irã, em meio à Revolução Iraniana de 1979, que provocou um cenário de fortes perseguições políticas. É nesse contexto que ela se questiona sobre a liberdade das meninas, sobre o que é uma vida digna e sobre humanidade. Após alguns anos, ela migra para a Áustria, onde se depara com a solidão do processo migratório como refugiada. E quando falo de processo, não estou dizendo apenas das questões burocráticas. Mas de uma adaptação a uma nova cultura, a uma nova forma de se comunicar, a uma nova política. Chegar a um novo país é apenas o começo de uma luta pela sobrevivência. O que as pessoas refugiadas que conheço e com quem já trabalhei relatam, é que a travessia não é a pior parte de suas histórias de refúgio. Persépolis é a autobiografia de Marjane Satrapi e também um chamamento para sermos mais respeitosos com o sofrimento daqueles que migram de forma forçada, assim como mais dispostos a agir em seu favor!”

 

A sugestão no Instagram pode ser vista aqui.

Gostou desse conteúdo?

Assine a nossa newsletter e receba notícias do Instituto Aurora em seu e-mail.