19 outubro 2018 • Instituto Aurora

No seu pescoço

Mais uma semana vai terminando e o debate político relacionado ao segundo turno das eleições presidenciais no Brasil continua intenso. O modo como cada candidato enxerga a democracia e os direitos humanos precisa ser considerado, pois violações dessas conquistas não prejudicam apenas um indivíduo, mas toda a sociedade, a coletividade. Hoje, queremos compartilhar uma dica de leitura da diretora-executiva do Instituto Aurora, Michele Bravos. O tema da sugestão é a migração.

 

“A obra ‘No seu pescoço’ é um livro de contos de Chimamanda Adichie, que revela a intensidade da vida na Nigéria e os delicados momentos políticos vividos pelo país em diferentes épocas, culminando em tensos processos migratórios. A beleza da obra não está apenas na escrita impecável de Chimamanda – uma mulher feminista que fala com propriedade das causas que representa – mas também na viagem que ela nos oferece à sua terra natal. É delicioso conhecer a Nigéria pelo olhar sensível e crítico de Chimamanda. Não escapa a autora, entretanto, questões bastante tensas como migração, preconceito de raça e a violência contra mulher, por exemplo. Falar de migração, como é feito do livro, nunca é simples. Devemos lembrar que, no caso da pessoa refugiada, ela sempre está nessa condição porque corre risco de vida e porque a nação a qual ela pertence não pode mais garantir sua segurança. Assim, é comum alguém que migra de forma forçada ter medo. E esse medo é paralisador. Vejo as pessoas migrantes, portanto, como corajosas! Muito corajosas. Atualmente, falamos em mais de 68,5 milhões de pessoas deslocadas em todo o mundo. Milhões de pessoas com rostos, histórias e sonhos. E o livro de Chimamanda personifica e individualiza essas estatísticas”.

 

A sugestão no Instagram pode ser vista aqui.

Gostou desse conteúdo?

Assine a nossa newsletter e receba notícias do Instituto Aurora em seu e-mail.