28 junho 2018 • Instituto Aurora

Hoje Eu Quero Voltar Sozinho

Hoje a sugestão vem da jornalista Andrea Mayumi, que, no Instituto Aurora, envolve-se na área de comunicação e relacionamento com voluntários. A dica dela é para aproveitar o dia e ver o filme “Hoje Eu Quero Voltar Sozinho”.

Nele, acompanhamos a história de Leonardo, um rapaz cego, que passa por situações típicas da adolescência: o desejo por mais autonomia, as inseguranças da idade, as aulas no colégio, as amizades. Na adolescência, ocorre também o surgimento do primeiro amor e a descoberta da sexualidade. Essas sensações vão sendo despertadas aos poucos em Leo com a chegada de um aluno novo na turma, Gabriel.

O longa aborda as questões da deficiência física e da homossexualidade de forma muito delicada, diluída na trama. São particularidades da história de Leonardo, assim como outros adolescentes teriam suas próprias. “É muito mais uma história sobre o primeiro amor, o medo e as inseguranças que ele acarreta. O filme não chega a ser militante, por isso, a indicação de ‘Hoje Eu Quero Voltar Sozinho’ no Dia Internacional da Luta LGBTI+, se dá mais por sua leveza e delicadeza. Por mostrar uma realidade quase utópica, como eu gostaria que as coisas fossem”, diz Mayumi.

O longa foi baseado em um curta metragem do mesmo diretor, “Eu Não Quero Voltar Sozinho”, que está disponível no Youtube.

O filme pode ser visto no Telecine Play e Globosat Play, para assinantes dos canais. Também é possível locar no Youtube.

A sugestão no nosso Instagram pode ser vista aqui.

Gostou desse conteúdo?

Assine a nossa newsletter e receba notícias do Instituto Aurora em seu e-mail.